21/07/2010

O casamento entre blogs e literuatura (parte III)

Bom, neste capítulo de nossa discussão fiquei de falar sobre um aspecto especial de nossa geração: a presunção. Admito que ser presunçoso às vezes pode ser útil, mas considero um desastre a perspectiva de quem acredita que já sabe de tudo. Estas mesmas pessoas são capazes de citar o bom e velho "só sei que nada sei" de Sócrates, e mesmo assim não admitir que são apenas mais uma na busca pela escrita perfeita. Acredito que esta presunção seja um grande problema para nossa blogosfera, pois não se consegue estabelecer critérios sobre o que é bom ou ruim, tampouco sobre o que é verdadeiramente literatura. É comum que se pense que escrever poesia é simplesmente expor seus sentimentos, é comum que contos se percam nesse mesmo melodrama e acabem por não cumprir sua principal função: a de contar. Para e pense em quantos blogs você esteve e realmente viu algo de bom, de tocante. A geração de hoje, dentro de um plano geral, busca apenas imediatismo, e por isso acha que por se pendurar nas páginas de internet para ver as notícias em primeira mão pode ser "antenada", e portanto, intocável, muitas vezes não aceitando críticas, independente de sua qualidade no processo de escrita.
É necessário ter consciência de que estamos todos no mesmo caminho, uns já longe, outros ainda no ponto de partida. Isso melhoraria muito a nossa relação entre blogueiros, bem como nos remeteria a buscar aprender um pouco mais sobre literatura, tanto lendo como escrevendo.
Bom, comentem então, o que vocês tem percebido visitando os blogs de literatura?

24 pitacos:

Creio que hoje em dia os blogs são utilizados não só como uma forma de mostrar a forma correta da escrita ou a beleza das poesias. Eu creio que os blogs tem muito a função de desabafo em variados casos, onde nossas histórias se tornam parte dessa imensa literatura. Gostei do estilo do blog, e da forma que são abordados os assuntos. Parabéns!

A presunção de qualquer forma não pode ser mascarada pela maiêutica modesta socrática. Afinal, ele próprio como grande irônico acabou criando quase que uma técnica retórica: "A Ironia Socrática".

Eu mesmo acabo sendo irônico dizendo que falta muito o que aprender, mas se eu negar o fato real de que sei bastante coisa estaria sendo hipócrita. Neste ponto é preferível este aforismo de Schopenhauer: "A modéstia é a humildade de um hipócrita que pede perdão por seus méritos aos que não têm nenhum."

Muito bom o blog! Abraços

Concordo com vc Benny, falsa modéstia é chato para caramba. E bem sei que se sabemos devemos dizer o que sabemos. Mas acredito que muitos vivem de blefes e aparência, e ainda se gabam por isso.
Agradeço a visita, volte quando achar q deve! ^^

Tenho que discordar de vc em alguns aspectos. Qdo vc diz q "pessoas não são capazes de admitir q são apenas mais uma na busca pela escrita perfeita", sinto q aí quem está sendo presunçoso é vc, afinal, oque pode ser a escrita perfeita prá vc, pode não ser prá mim. Se todos os grandes poetas e escritores fossem admirados por todas as pessoas, não haveria espaço prá tantos estilos. Qto às críticas, acredito que as construtivas são sempre bem vindas, as depreciativas na grande maioria são descartadas.
Penso que a escrita é como a música... tá cheio de porcaria por aí mas, tem gosto prá tudo.
Um abraço.

Eu achei extremamente interessante a forma como você trata a relação entre os blogueiros e como você fala que muitas pessoas entopem a internet de besteiras sem conteúdo numa busca incessante pelo sucesso, ou apenas pela "escrita perfeita". Mas eu quero te perguntar, seriam blogs um bom lugar para ir atrás de cultura? Talvez sim, mas na maioria das vezes você vai achar apena o entretenimento como foco principal dos blogueiros e não o conteúdo propriamente dfito! É a mesma coisa você querer achar discussões sobre o sorriso e a situação vivida pela monalisa na época em que foi pintada, no orkut. Não acha?

Acho muito dificil encontrar um blog que realmente seja bom. Eu tenho um blog de literatura sim, onde eu tento escrever da maneira que me convém o que eu estou sentindo. É só uma forma que eu vejo para dispor as coisas que vejo, que sou e que já fui. Pode tanto agradar ou desagradar os outros. Afinal a beleza está nos olhos de que a vê.

Muito bom o seu post meu caro.

Abraços, M!sunderstood

http://reflexo-da-alma.blogspot.com

Acho muito dificil encontrar um blog que realmente seja bom. Eu tenho um blog de literatura sim, onde eu tento escrever da maneira que me convém o que eu estou sentindo. É só uma forma que eu vejo para dispor as coisas que vejo, que sou e que já fui. Pode tanto agradar ou desagradar os outros. Afinal a beleza está nos olhos de que a vê.

Muito bom o seu post meu caro.

Abraços, M!sunderstood

http://reflexo-da-alma.blogspot.com

Nao, Dilema, nao estou sendo presunçoso. Até pq apesar de reconhecer meus esforços para seguir em frente, também sou mais um na busca da escrita perfeita. Quanto ao conceito de perfeição, sei que ele também nao é fechado, dadas nossas diferentes percepções da realidade. Apenas generalizei um pouco esse ponto para nao tornar a conversa um pouco prolixa (ora, se temos varias percepçoes entao temos varias estradas e temos varias facetas nossas percorrendo estas estradas e por aih vai). D qqr modo desculpe se a fiz pensar isso, não foi minha intenção. ;P
Qto à critica é isso mesmo a q estamos acostumados: ouvir as boas, ignorar as depreciativas. Grande abraço, é uma honrar debater com todos vcs!

Concordo totalmente com você a respeito da presunção, é muito raro encontrarmos blogs que tenham algo realmente a dizer. É frustrante as vezes você entrar em um blog para ler e comentar uma postagem e se depara com bobagens, quase sem fundamento, nesse caso eu não estou sendo presunçoso aí não...Isso é a mais pura realidade.

Parabéns!
www.todososouvidos.blogspot.com

"seriam blogs um bom lugar para ir atrás de cultura?"
Caro amigo Devaneios, já vi discussoes desse tipo em festas, mesas de bar e por que não no orkut? Não só as vi como participei de algumas (nao especificamente da Monalisa). Se vc acha q blog nao é cultura, entao vc acabou d nos vr a todos como desocupados. ^^
Outra: no meu entendimento, entretenimento nunca esteve separado de cultura, faz parte dela.
Vlw!!

Pois é, Ítalo Richard, acho q nosso amigo foi muito feliz na sua fala, pois reconhecer que há tanata porcaria por aí já nos remete a certa presunçao, mas é melhor nesse caso, ser presunçoso a ter de ser hipócrita. Por isso disse no post q às vezes isso pode ser legal entende?


Gde abraço!! Volte sempre!!

eu bem, eu posso citar Drummond?

"Entendo que a poesia é negócio de grande responsabilidade, e não considero rotular-se de poeta quem apenas verseje por dor-de-cotovelo, falta dinheiro ou momentânea tomada de contato com as forças líricas do mundo, sem SE entregar aos trabalhos cotidianos e secretos da técnica, da leitura, da contemplação e mesmo da ação. Até os poetas se armam, e um poeta desarmado é, mesmo um ser a mercê de inspirações fáceis, dóceis às modas e compromissos'".

deve-se entender, pelo menos assim eu entendo que blogger é um espaço para exercitar-se, é para aprender e com isso críticas negativas são boas, quando sinceras, não vamos dá uma de Monteiro Lobato, eu que estou bem no ínicio que estou aprendendo muito com o mundo do blogger devo dizer como é importante não levar a sério certas coisas e como é importante ter senso

presunção realmente é muito perigoso e ela é alimentada por pessoas que só querem puramente ser lidas também e receber comentários, cuidado amigos leitores para não fazer de sua NetWork do blogger politicagem, troca de favores e de comentários vazios e não sinceros

Pois é, Talles. Sendo assim, exercitemo-nos. ^^

Gostei muito do blog *--*
acho isto muito interessante, seu blog é um dos poucos que tem cultura!
outros só tem assuntos que ja cansamos :D

Perdão caro escritor se me expressei mal =P
Eu não quis dizer que blogs não tem cultura e que entretenimento e cultura nunca estão juntos, esse é o português, uma língua de várias interpretações.
O que ue quis dizer foi o seguinte:
Cerca de 90% das comunidades do Orkut são destinadas a nada mais, nada menos, do que cultura inútil, que busca apenas o entretenimento humorístico de quem as segue, o que eu quis dizer é que concordo com você em todos os pontos, porém ahco que pouco, como posso dizer... Forte da sua parte nos trazer a indagação "Quantos blogs inúteis são vistos por aí" (não exatamente ocm essas palvras, é por que são 4:20 da manhã e estou cansado para procurar de novo), por que a Internet, assim como o orkut e a blogesfera, é feita, pelo menos em 50% de cultura inútil, e os blogs não são diferentes, por isso é tão estranho quando encontramos algo com real conteúdo apra nós, como o seu blog. Eu não quis depreciar os blogueiros, até por que comecei nesse "ramo" a pouco tempo, tenho o meu blog, um blog que faço como um "diário" online, aquele que eu uso, assim como todos, para algo que me cai bem... Não sei se me fiz claro, acontece que não é uma boa hora para comentar em blogs, mas espero que tenha entendido minhas palavras.

SIm, tudo ok, rapaz.
Agora, 50%? Vc está sendo muito bonzinho! A ultima estatistica q vi resumia 70% da net a pornografia e incitação à violencia. É realmente uma pena. :(

Pois é, é uma pena. Pelo menos a gente tem que agradecer que 30% da internet ainda está a salvo, e tem que "orar" ou seja lá o que for, que esse 30% cresça mais rápido que os outros 70%. Falei 50 por que n sabia ao certo então...
Seu blog é realmente muito bom. Parabéns.

O mundo blogueiro tem muita coisa tanto boa quanto ruim. Ainda tem gente que ao menos se importa em escrever de um modo pelo menos intelegível. Enquanto isso tem gente que tem pretensões de fazer literatura e é capaz de escrever um parágrafo inteiro de uma só frase e sem pontuação alguma. Quanto a imaginação, às vezes temos mesmo que rodar bastante em busca de algo que nos impressione de verdade, mas quando a gente encontra, tudo vale a pena.
Beijos

Entendi o q vc quis dizer, Paloma, mas já vi inumeros contos (alguns até inteiros) com muitos parágrafos sem pntuação alguma. È um interessante recurso literario. Procure ler alguns. ^^

Realmente você tem toda razão. As pessoas perdem-se na confusão da própria falta de critério. Há mesmo aqueles que disfarçam erros de ortografia e gramática com licença poética, pois acreditam que para ser escritor basta que se escreva. Poucos têm de fato uma boa ideia para passar, as pessoas falam muito de si mesmas, e escrevem muito melodrama de amor crendo ser poetas.
Eu gosto de ler outros blogs, compartilhar e ideias mas tens mais uma vez razão ao dizer que poucos blogs que lemos por aí tem algum conteúdo.

Ah , sim, adorei isso de "se você veio dizer que meu blog é legal, não perca seu tempo. Eu já sei disso" Fico puta quando vão no meu blog e postam essa mensagem idiota e me pedem pra seguir, quando está mais que evidente que a pessoa sequer leu o texto e que esse tipo de comentário é automatico e serve para qualquer texto.

Então... Eu queria pedir que se você tivesse algum tempo de sobra e não achasse que estou sendo muito chato em pedir isso... Eu gostaria que você passasse no meu blog e desse alguma críticas sobre minhas histórias e meus posts. Se não for muito incômodo. Valeu.
devaneiostripolares.blogspot.com

Lady, é muito chato isso de pos automatico. Sem qrer ser presunçoso (mas ja sendo :[ ), me orgulho muito de cada seguidor q tenho neste blog, pois nunca em lugar algum peço para q sigam. Qm esta aki está pq achou o blog util, nao apenas legal. Acho q esse é o grande barato. Geralmente eu apago comentarios fracos como "legal" e coisa do tipo. Se vc navegar pelos coments deste blog e vir alguma postagem excuida, tenha certeza q foi um desses comentarios.


Qto a vc Devaneios (teu pai nao tinha um nome mais legal nao? rsrsrsrs), nao se preocupe, oportunamente visitarei seu blog sim. Qm vm sempre por aki sabe q eu sempre cumpro (ou pelo menos em 99% dos casos^^) cumpro o prometido.

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More